>

sábado, 26 de junho de 2021

Elvive Magic Water Dream Long


Depois de fazer furor nos EUA, a Elvive Magic Water (também conhecida por Wonder Water) chegou à Europa. Mas será que a boa reputação sobrevive ao teste?


O que é?

Um condicionador capilar líquido

Alegações

Atua em apenas 8 segundos
Cabelo 5x mais brilhante e 10x mais suave

Composição

Propylene Glycol, Alcohol Denat., Myristyl Alcohol, Aqua / Water, Parfum / Fragrance, Dicaprylyl Carbonate, Cetrimonium Chloride, Behentrimonium Chloride, Isopropyl Alcohol, Hexyl Cinnamal, Benzyl Salicylate, Linalool, Benzyl Alcohol, Limonene Alpha-Isomethyl Ionone Hydroxypropyltrimonium Hydrolyzed Wheat Protein, Coumarin, Citronellol, Hydroxycitronellal, Geraniol, Tocopherol, Arginine Pca, Phenoxyethanol.

Preço

€5-10 por 200mL


Opinião


A Magic Water é um condicionador líquido, que atua em 8 segundos, e promete deixar o cabelo mais suave e brilhante após o enxaguamento. Este efeito dever-se-á à tecnologia lamelar, que segundo a marca permite depositar aminoácidos e agentes condicionadores nas zonas mais secas e danificadas do cabelo. Mas antes que nos deslumbremos com esta explicação, qual água micelar 2.0, deixem-me que vos diga o que me parece que se passa aqui: tal como todos os condicionadores, este produto contém tensioativos catiónicos, que possuem uma capacidade de limpeza reduzida mas têm uma carga positiva, capaz de se ligar às zonas danificadas da cutícula capilar, de carga negativa, "mascarando" o dano. Ora, isto não é inovação. Melhor ou pior, todos os condicionadores do mercado o fazem. Mas e então as lamelas? Tal como alguns tensioativos se organizam formando as micelas que encontramos em produtos de limpeza (sim, todos os champôs e géis de banho são "micelares" desde os primórdios da indústria!), os tensioativos também se podem organizar em lamelas. Isto depende da combinação de tensioativos da formulação, da sua quantidade e do meio (água, óleo, etc.) em que se encontram dissolvidos. Se olharmos para a formulação, vemos muito propilenoglicol e dois álcoóis que algumas pessoas categorizarão como "secantes", etílico e isopropílico, e que se substituem à água dos condicionadores tradicionais. Estes ingredientes podem reduzir a viscosidade do produto, dissolver ingredientes e/ou promover a formação de lamelas. Posto isto, até que ponto uma água lamelar será mais eficaz do que um condicionador comum? Poderá, por exemplo, depositar ingredientes condicionadores de forma mais eficaz com menos resíduo, já que a formulação não contém silicones nem óleos "pesados". Isto poderá ser motivo suficiente para levar a L'Oreal a depositar uma patente. Veremos até que ponto será suficiente para um cabelo espesso e frisado.

A marca sugere que sejam usados no mínimo 20mL a cada utilização (uma enormidade) entre 2 a 3 vezes por semana. Assim, uma embalagem de 200mL durará entre 1 a 2 meses e meio, o que me parece francamente desajustado.

A minha experiência também não foi a melhor. Embora não seja difícil de aplicar, este produto é bastante líquido, o que gera algum desperdício, o que não me agrada. Após o enxaguamento, o cabelo fica de facto muito suave e perfumado (até demais...), permanecendo bastante solto após a secagem. E é aqui que para mim reside o problema. Tenho um cabelo seco, ondulado e danificado pela coloração. Logo, este produto nunca seria para mim. Já suspeitava disso, na verdade. Contudo, fiquei agradavelmente surpreendida com a suavidade que este produto proporciona sem pesar, e que será muito interessante para muitas pessoas.

Por estes motivos, apenas recomendo este produto num cabelo fino e eventualmente oleoso, que pretenda ação condicionadora sem resíduos, bem como um ascréscimo do brilho capilar. Devido ao preço, pode ainda assim tornar-se demasiado dispensioso em cabelos compridos. Mas cada um decidirá aquilo que está disposto a gastar!

Sem comentários: